Cuidados com crianças na piscina: veja quais você deve ter

cuidado com crianças na piscina - hth

A piscina é um local de diversão e alegria para grande parte das pessoas. No entanto, isso não quer dizer que essa área não deva ser alvo da atenção dos adultos, especialmente quando crianças estiverem brincando por ali.

Infelizmente, acidentes não são raros e podem trazer consequências graves ou até fatais. Para que isso não aconteça, é essencial adotar algumas atitudes importantes, com o intuito de prevenir qualquer imprevisto.

Quer descobrir como fazer isso? Então confira o conteúdo a seguir e conheça os cuidados com crianças na piscina que você deve ter:

Use equipamentos de segurança

Um dos principais cuidados com crianças na piscina está relacionado à instalação de equipamentos de segurança. Isso inclui, por exemplo, uma capa de proteção contra afogamentos. Elas podem ser encontradas em casas especializadas, possuem instalação simples e aguentam o peso de um ou mais adultos.

Uma cerca em volta da piscina também pode ser uma boa alternativa, e é um artifício a mais para proteger a sua família. As opções mais comuns são as de PVC, aço ou madeira.

Instale o piso correto

Outro ponto muito importante é a instalação de um tipo de piso adequado no entorno na piscina. Poucas pessoas pensam nisso na hora da construção, mas um material antiderrapante é primordial para evitar quedas e escorregões, que estão entre as principais causas de acidentes entre as crianças.

Você pode comprar um piso adequado nas lojas de materiais de construção, que contam com alternativas específicas para áreas externas e que lidam melhor com o acúmulo de água e condições de muita umidade.

Desligue o maquinário

O maquinário de manutenção e limpeza da piscina também são outra causa comum de acidentes e, por isso mesmo, precisa estar desligado no momento de utilização da área. Quando as crianças forem entrar na água, lembre-se de checar esses itens e garantir que sequer estejam na tomada.

Caso utilize flutuadores ou margaridas para tratamento da água, nunca se esqueça de retirá-los antes de utilizar a piscina.

Eduque as crianças

Ensinar seus filhos a usar a piscina é outro passo essencial para quem quer evitar acidentes e surpresas desagradáveis. Você deve conversar com seus filhos e mostrar que, apesar de ser um local de diversão e brincadeiras, é preciso ter limites e saber que não dá para fazer de tudo.

Corridas e piques no entorno das bordas, por exemplo, devem ser terminantemente proibidos. Brincadeiras mais enérgicas dentro da piscina também deve ser reprimidas, pois as crianças podem facilmente inalar água e até perder a consciência. Estimule um momento de lazer e relaxamento.

Tenha cuidado com cabelos compridos

A água da piscina é constantemente bombeada por meio dos sistemas de filtragem. Isso faz, portanto, com que haja uma sucção constante para o filtro, que é essencial para proporcionar boas condições de uso para as pessoas. O problema é que esses ralos podem puxar ou até prender cabelos maiores, causando afogamentos, especialmente em crianças.

Para evitar esse tipo de situação perigosa, é recomendado o uso de toucas ou ao menos que se prenda bem os cabelos com laços ou elásticos. Usar apenas ralos anti-sucção, que possuem grades nos pontos de sucção, é uma atitude primordial para evitar esse tipo de problema.

Gostou do artigo e das dicas sobre cuidados com crianças na piscina? Então siga os perfis da hth® no Facebook, Youtube e Instagram para conferir outros artigos e dicas em primeira mão!

Fale com a hth ®

Além de pioneira, a hth ® é líder absoluta no Brasil e no mundo, em produtos para tratamento de água de piscina. Com produtos inovadores, oferece as melhores soluções para os consumidores.

 

Adicione seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *